avesdeportugal.info
© avesdeportugal.info - Todos os direitos reservados.
Chapim-carvoeiro
Periparus ater *
O canto repetido do chapim-carvoeiro é um som característico dos pinhais
portugueses.
Abundância e calendário
Esta espécie encontra-se associada às plantações
de pinheiro-bravo, sendo localmente comum no
litoral norte e centro. Por vezes também ocorre em
zonas urbanas. É uma ave residente que pode ser
observada durante todo o ano. É mais conspícuo na
Primavera, quando o seu canto se faz ouvir com
frequência.
Onde observar

Os pinhais a norte do Tejo são os melhores locais para procurar este chapim.

Entre Douro e Minhoé frequente nesta região, podendo ser visto nos estuários do
Minho e do Cávado, na veiga de São Simão, nas lagoas de Bertiandos, no Corno de Bico, na
serra da Peneda e na zona de Guimarães.

Trás-os-Montespode ser visto com facilidade nas serras do Larouco, do Gerês e do
Alvão, bem como na região de Miranda do Douro.

Litoral centro os pinhais de São Jacinto, Mira e o pinhal de Leiria são algumas das zonas
onde o chapim-carvoeiro é mais abundante; outros locais onde pode ser observado são a
zona de Estarreja-Salreu, a serra de Sicó e a lagoa de Óbidos.

Beira interior pode ser visto com relativa facilidade por toda a região; alguns dos locais
onde é mais frequente são: a serra da Estrela, a albufeira de Vilar, a lagoa da Urgeiriça, as
regiões de Celorico da Beira e do Sabugal e ainda a serra da Gardunha. Também se observa
junto à barragem de Santa Luzia.

Lisboa e vale do Tejoé mais frequente a norte do rio Tejo e pode ser visto na cidade de
Lisboa, na serra de Montejunto, na serra de Sintra e ainda no cabeço de Montachique; na
margem sul é mais escasso, ocorrendo localmente na serra da Arrábida, na Costa de
Caparica e na lagoa de Albufeira.

Alentejoocorre unicamente no extremo norte da região, sendo a serra de São Mamede o
local onde é mais fácil de observar.
Fatbirder's Top 1000 Birding Websites
Identificação
Pequeno chapim, do tamanho de um chapim-azul. Caracteriza-se pela cabeça preta,
com as faces brancas e uma mancha branca na nuca. Distingue-se do
chapim-real
pelo seu menor tamanho e pela ausência de risca preta vertical no peito e no ventre.
.
Clique na seta para ouvir o canto do chapim-carvoeiro!
* - Nota taxonómica - em muitos guias de campo esta espécie surge com o nome Parus ater. A
alteração de género para
Periparus decorre das recomendações emitidas pelo IOC e que estão
disponíveis para consulta
aqui. É de referir que nem todas as autoridades consideram esta alteração de
nome.
..
...
Identificação
de chapins

O que são
chapins?

Quantas espécies
há em Portugal?

Como se
distinguem as
várias espécies?

Clique na seta ao
lado e descubra
as respostas!
Estatuto de conservação em Portugal:

Pouco preocupante